O preço de uma casa é determinante para cativar compradores e finalizar o negócio de forma rápida e prática. Tenha estes aspetos em conta no momento de definir um número.

O valor de um imóvel representa as necessidades do mercado, mesmo que não corresponda ao valor real da casa. No mercado imobiliário atual, o valor de venda dos imóveis subiu exponencialmente, especialmente se analisarmos as zonas de Lisboa e Porto.

Valorização do imóvel: mais importante do que nunca?

Muitos dos imóveis no mercado apresentam valores que há poucos anos pareciam. São na verdade uma consequência direta da lei da oferta e da procura e de um mercado dinâmico em convergência com os seus conterrâneos europeus. No momento de vender o seu imóvel, importa analisar bem o mercado e fazer corresponder o valor à realidade que o envolve.

O que pode correr mal?

Se estabelecer um preço de venda irrealista e desfasado do mercado, não conseguirá vender o imóvel de forma rápida. Como consequência, por quanto mais tempo a casa estiver no mercado, mais difícil vai ser vendê-la e pode acabar por ter de rever o preço em baixa. Perder tempo significa também uma desvalorização gradual do imóvel e maiores custos de manutenção. Os compradores irão aperceber-se disso e tentar negociar o valor.

Defina um valor a pensar na negociação

Este é outro aspeto a ter em consideração: estabeleça um valor de venda já com margem para negociação. Por exemplo: se tencionar vender o seu imóvel por 200 mil euros, não o ponha no mercado com esse valor – defina uma margem de manobra – opte por o anunciar a 210 ou 215 mil euros. Assim, mesmo baixando o valor, acaba por fechar negócio no preço que tinha previsto.

Afinal, que elementos devo considerar ao definir o preço?

O preço tem também de refletir uma série de fatores: localização, acessos, serviços próximos, área da casa, tipologia, acabamentos, idade da casa, e claro a “concorrência” – os imóveis semelhantes na sua zona / rua.

Antes de estabelecer o seu valor de venda, consulte guias de preços por metro quadrado, analise os sites imobiliários para encontrar os valores dos imóveis similares ao seu, na mesma zona de residência, e lembre-se que a mediação imobiliária tem o seu valor, mas pode compensar: não só o liberta de preocupações desnecessárias, como possivelmente conseguirá vender a casa mais rapidamente.

Saiba mais sobre como valorizar o seu imóvel antes de o vender. No blogue do imo – Imovirtual – encontra dicas para vendedores, compradores e profissionais da área.