O que é o certificado energético e para que serve? São a estas e outras questões que vamos responder neste artigo.

O essencial: este certificado é obrigatório – seja em edifícios novos ou antigos, para venda ou arrendamento. Tem de ser fornecido pelos proprietários do imóvel ou, no seu lugar, pelos mediadores imobiliários.

O documento atesta o desempenho energético de um imóvel numa escala de A+ (muito eficiente) a F (pouco eficiente) e é determinado pela entidade competente: a Agência para a Energia (ADENE).

O documento contém informações sobre as características de consumo do imóvel relativamente à climatização e às águas sanitárias.

No entanto, há outros fatores que influenciam a classe energética de um imóvel: a localização, o ano de construção, a tipologia (prédio ou moradia), estado de conservação das paredes, coberturas, pavimentos e janelas (se foi objeto de intervenção ou não) e ainda a ventilação, aquecimento e arrefecimento, ou seja, equipamentos de climatização.

No fim, depois de determinado o seu nível, o técnico propõe medidas de melhoria para tornar o imóvel mais eficiente e, consequentemente, sustentável (também a nível financeiro).

A verdade é que quanto mais eficiente for o imóvel, menos irá gastar em contas de eletricidade e outras despesas.
certificado energético

O certificado energético será válido por 10 anos para edifícios de habitação e pequenos edifícios de comércio e serviços.

É possível pedir o certificado através de várias entidades, que podem praticar preços diferentes. Para o pedir precisa de apresentar cópias da planta do imóvel, da caderneta predial urbana, da certidão de registo na conservatória e da ficha técnica da habitação.

O segundo passo do pedido passa pela visita do profissional ao imóvel. A avaliação será cobrada e o certificado energético emitido.

Os particulares em incumprimento sujeitam-se a uma multa de 500 a 4.000 euros. Já as empresas poderão pagar entre 2.500 e 44.890 euros, adianta a Deco Proteste.

Este é só um dos documentos de que necessita para vender um imóvel. O nosso blogue tem um separador unicamente dedicado a quem tenciona vender.

Veja também imóveis com certificação energética no Imovirtual.